Princesas da Disney – 5 princesas em uma lista que vai da mais indefesa a mais forte!

Princesas da Disney
Cinema, News,

Princesas da Disney – 5 princesas em uma lista que vai da mais indefesa a mais forte!

As Princesas da Disney são as mais variadas possíveis que você possa imaginar, e conhecê-las faz parte da infância de muita gente que passou bastante tempo em frente a televisão. A Walt Disney Company deu ao seu público, desde a sua criação em 1923, uma série interminável de personagens extraordinários e muitas revoluções no mundo da animação e muito mais.

Entre esses dons, tendo dedicado, desde seu primeiro longa-metragem, o centro de suas histórias a uma protagonista feminina (quase sempre), ou seu, as princesas da Disney.

O primeiro filme da Disney data de 1937 e é da Branca de Neve. A partir desse momento, por meio das princesas da Disney, é possível traçar os sinais de mudança na forma como as mulheres têm sido tratadas, percebidas e evoluídas no tecido social norte-americano e global.

À luz das lutas por igualdade de gênero e movimentos feministas, é o momento certo para olhar para a evolução das protagonistas da Disney ao longo dos anos e classificá-las das mais delicados as mais resistentes e feministas.

Por isso, no conteúdo de hoje trouxemos 5 exemplos, em uma lista que se inicia com a mais delicada até aquela mais “forte” das Princesas da Disney. Leia com a gente e deixe um comentário no final do conteúdo. Vamos lá, leia conosco! 

Tiana – A Princesa e o Sapo, 2009

Tiana
Tiana

A primeira das cinco finalistas de princesas da Disney é Tiana de “A Princesa e o Sapo”. Existem duas razões fundamentais para trazê-la pra essa lista.

Tiana foi e continua sendo a única princesa afro-americana da Disney até agora e, além disso, ela é um símbolo do feminismo e da independência de qualquer convenção porque seu sonho não é se casar e viver felizes para sempre em um castelo com um príncipe, mas com desejo de abrir um restaurante em Nova Orleans como seu pai sonhou. 

Nada mais precisa ser dito para amá-la.

Elsa/Frozen – O Reino do Gelo, 2013

Elsa
Elsa

Tecnicamente Elsa, a princesa do reino do gelo, não faz parte da “Princess Line”, uma franquia da Disney que começou em 1990 e por enquanto para em Merida, a protagonista de Valente, uma das mais conhecidas princesas da Disney.

Mas, Elsa está tão além de qualquer convenção (ela poderia se declarar oficialmente lésbica na sequência de Frozen) que ela é a ponta de lança de Frozen e todos os filmes que derivarão dele.

Orgulhosa de sua natureza independente, poderosa rainha capaz de moldar gelo, ela não tem mais medo de sua diversidade e de mostrar a todos seu poder e independência. Um modelo a seguir, sempre, quer encontre o amor ou não.

Mulan, 1998

Mulan
Mulan

Em terceiro lugar entre as princesas da Disney, não poderíamos colocar outra sem ser a Mulan, porque até hoje ninguém pode superá-la como um exemplo notável do que uma mulher é capaz de fazer em qualquer situação, bastando querer.

Contracenando como um homem, ela luta por sua China e a salva, passa por um treinamento extremo e uma condenação por alta traição graças a sua habilidade em campo.

Não há limites para os resultados que uma mulher pode alcançar se houver força de vontade e exemplos como os de Mulan entre as princesas da Disney, que também encontram espaço para o amor. Pois quem disse que as mulheres, como os homens, não podem ter tudo?

Merida – Valente, 2012

Merida
Merida

O maior desafio para crescer e se tornar independente é muitas vezes superar o confronto inevitável com os pais. No caso de Mérida, protagonista Valente, a relação com a mãe é a mais difícil entre todas as princesas da Disney.

Em uma sociedade e família escocesa aparentemente patriarcal, mas na verdade indiretamente dominada pela rainha e mãe de Mérida, a garota se compromete a quebrar todas as regras que lhe são impostas, desde o casamento arranjado até as roupas de princesa e boas maneiras.

Por sua beleza não convencional que a distingue de seus ancestrais, seu cabelo ruivo brilhante e encaracolado e seu ser maravilhosamente imperfeito, Merida conquista cada jovem que encontra nela a força da identidade e personalidade forte. 

Moana – Um Mar de Aventuras, 2017

Moana
Moana

Como Elsa, nem mesmo Moana, protagonista de Um Mar de Aventuras, é uma das princesas da Disney entre as da franquia, mas está destinada a ser a chefe da pequena ilha polinésia de Motunui, cuja sobrevivência é subitamente ameaçada pela falta de recursos vitais. 

Moana descobre assim a sua vocação, a de ser a verdadeira líder do seu povo e esta qualidade a distingue de todas as outras princesas da Disney e a leva a se sobressair neste ranking.

Não há princípios, distrações fúteis, mas um vínculo ancestral e indissolúvel com sua terra e com a água, o oceano, que a escolhe e a ajuda a ir cada vez mais longe. Moana também demonstra sua grandeza por acreditar no trabalho em equipe, como um verdadeiro chefe pode fazer, inicialmente se afastando e se concentrando no semideus Maui para depois recuperar a consciência para salvar tudo e todos.

E então, gostou de conhecer melhor as princesas da Disney? Ficou alguma dúvida em relação ao conteúdo que trouxemos hoje? Conte a nós, comente abaixo. Até a próxima!