O que é um trisal? – Entenda como funciona uma relação a 3!

O que é um trisal?
News,

O que é um trisal? – Entenda como funciona uma relação a 3!

O que é um trisal? Uma relação de três vias: quando o casal se torna uma tríade. O trisal é uma relação poliamorosa, ou seja, uma relação não monogâmica, mas que envolve três pessoas, em que os parceiros têm mais vínculos afetivos e sexuais. Porém, tudo acontece por consenso, em harmonia e respeito mútuo. Leia conosco e descubra o que é um trisal!

O que é um trisal?

O que é um trisal?
Afinal, o que é um trisal?

Afinal, o que é um trisal? Um trisal não pode ser definido como um “relacionamento aberto”, no sentido de que as pessoas envolvidas neles não buscam outras pessoas: os envolvidos não saem com outras pessoas, mas em si, em vez de dois, são três pessoas juntas e as regras são as mesmas de um casal tradicional: amor em primeiro lugar, confiança e fidelidade.

Isso significa que funcionam com dinâmicas idênticas às monogâmicas, apenas no plural, em que os parceiros têm mais relações afetivas e sexuais ao mesmo tempo. O inusitado é que tudo acontece em total acordo, harmonia e respeito mútuo, conforme já mencionamos anteriormente.

O trisal, em teoria, é completamente diferente tanto da libertinagem, que implica deixar-se ir livremente aos prazeres sexuais sozinho, quanto da poligamia, onde apenas um homem ou uma mulher pode ter múltiplas esposas ou maridos. A poligamia, em particular, sempre foi tolerada ao longo da história.

Na verdade, a monogamia nada mais seria do que uma imposição cultural transmitida de geração em geração com o objetivo de garantir a paternidade aos filhos, modificando assim o conceito de família. O poliamor, portanto, não seria uma razão absurda e extrema, na verdade é absolutamente natural, pois o ser humano não é por natureza monogâmico.

Quais são as características do poliamor?

O que é um trisal?
Quais as características do poliamor?

Para saber o que é um trisal, precisamos compreender o poliamor. O termo “poliamor” indica uma postura filosófica que admite a possibilidade de uma pessoa ter várias relações íntimas ao mesmo tempo, com o consentimento pleno de todos os parceiros envolvidos, em oposição ao postulado da monogamia social como norma necessária. É a capacidade de ter sentimentos por várias pessoas ao mesmo tempo com compreensão, empatia e gentileza.

O que é um trisal? Bem, dentro de tal dinâmica não há diferenças quanto ao gênero ou orientação sexual, simplesmente se sente à vontade compartilhar a experiência do amor superando as imposições sociais que consideram a monogamia a única opção “aceitável”.

Se até algum tempo atrás o poliamor era apenas uma subcultura não-conformista, hoje os Millennials têm contribuído para torná-la uma forma de fluidez relacional, argumentando firmemente que a verdadeira natureza do homem não é monogâmica.

Tipos de poliamor

Existem diferentes tipos de relações poliamorosas e variam de acordo com as necessidades dos parceiros envolvidos e são:

  • O trisal: afinal, o que é um trisal? A tríade é uma relação poliamorosa igualentre três pessoas, na qual os membros são equilibrados, nenhum deles subordinado ou submisso. Este tipo de relação, portanto, implica que o envolvimento sentimental e a atração são recíprocas entre as três partes diferentes;
  • A relação “T”: Neste tipo de relação existe uma relação primária, portanto um casal que tem um vínculo forte, e um parceiro secundárioque o frequenta;
  • Relação “V”: A relação Vimplica a presença de três partes, das quais apenas uma é o “ponto de contato” que une as outras duas. Entre os últimos não há atração ou envolvimento emocional.

Poliamor tem características muito específicas e não significa de forma alguma trapacear sem se sentir culpado. Na verdade, em relacionamentos como esse existe uma ética detalhada, as partes envolvidas devem estar atentas a tudo o que acontece e aprovar a escolha.

Apesar do que se possa pensar, o ciúme não é um incômodo que ocorre apenas nas relações monogâmicas, ele também existe na tríade e é igualmente forte e incontrolável.

Ocorre quando um dos “sócios do grupo” não é fiel a este. Na maioria das vezes, porém, pode ser administrado porque as pessoas poliamorosas, com esse tipo de relacionamento, aprendem a controlar suas emoções e a cooperar, comunicando suas emoções e seus possíveis sofrimentos ao parceiro.

Para entender se se está à altura de uma relação afetiva e sexual que vá além do casal, é preciso antes de tudo superar o ciúme inicial, não ter medo de se comunicar com o parceiro, e posteriormente expandir sua ideia de confiança.

As regras de um trisal

O que é um trisal?
As regras de um trisal

Já sabemos o que é um trisal, mas quais são as suas regras? As únicas regras a seguir são fazer tudo abertamente e ser honesto, só assim você evitará se machucar e será verdadeiramente feliz. O triângulo amoroso não é fácil de administrar. Portanto, é necessário estar ciente de alguns conselhos úteis para coordenar melhor esta situação complicada.

Em primeiro lugar, quando você tem um parceiro, você deve considerar aspectos muito específicos como o ciúme, às limitações e a segurança. Um triângulo amoroso certamente não é para todos, mas se é algo que você deseja experimentar em tantos aspectos da vida, saiba que existem regras a seguir.

Na verdade, o básico é muito simples. Em primeiro lugar, você precisa transmitir confiança e se certificar de que seu parceiro se sinta confortável com essa situação. Dessa forma, se divertir será muito mais fácil.

O primeiro passo em um trio é encontrar as três pessoas certas para envolver. Por exemplo, você pode perguntar a um amigo de confiança se ele está disposto a entrar nessa situação.

Nesse contexto, de fato, é muito importante que as pessoas envolvidas estejam 100% seguras. Portanto, se você se sente inseguro ou relutante em experimentar esta nova experiência, é preferível deixá-la de lado, pois deve estar atento para ir além dos limites do respeito por uma relação amorosa tradicional. Agora que já sabe o que é um trisal, que tal vivenciar um? Até a próxima!