Em Piraquara (PR) – Jovem vai à polícia e diz que suspeito de matar taxista a estuprou.

Home » News » Em Piraquara (PR) – Jovem vai à polícia e diz que suspeito de matar taxista a estuprou.

By nesqueci on 4 de maio de 2011. No Comments

Depois de ouvir o nome de um dos suspeitos de matar o taxista Boris Kocizes nesta terça-feira (3) em uma reportagem da Banda B, uma jovem de 23 anos procurou hoje a polícia, acompanhada da mãe, para denunciar que Jonatan da Silva, de 20 anos, teria lhe estuprado dentro de casa no dia 4 de abril, em Piraquara, região metropolitana de Curitiba.

Bastante abalada, a jovem, que é mãe de um filho pequeno, contou que Jonatan era seu vizinho e que o estupro aconteceu num dia em que ela estava sozinha em casa. O suspeito teria entrado na residência para estuprá-la e levar alguns objetos, além de R$ 50. A vítima viu a foto de Jonatan e não afirmou que não tem dúvidas de que foi ele que a violentou.

Jonatan está sendo procurado pela polícia como um dos suspeitos da morte do taxista Boris Kocizes, 22 anos, assassinado com dois tiros, no início da madrugada de ontem, no Cajuru. O outro suspeito, Emanoel da Silva Goulart, 29 anos, foi preso nesta terça-feira com a arma do crime, em uma casa da Rua Catulo da Paixão Cearense, no Cajuru. No entanto, alegou que Jonatan deixou o revólver, calibre 38, com ele e fugiu.

A mãe da jovem contou à Banda B que a filha ficou muito abalada depois do estupro. “Ela está em pânico, não tem nem condições de falar direito. Até quando o carteiro bate na porta para entregar carta ela se desespera. Nem trabalhar mais ela foi. Estamos desesperados. Mas quando ouvimos na Banda B que o Jonatan estava sendo acusado de matar o taxista, a gente resolveu procurar a polícia”, contou a mãe da jovem, que não terá o nome divulgado.

Morte do taxista

O taxista Boris Kocizes estava parado com o seu táxi no ponto da Rua Ébano Pereira, próximo ao Bondinho da Rua XV de Novembro, quando, segundo alguns colegas, dois homens, que haviam saído de um bar na região, entraram no carro.

Eles pediram para ir ao Bairro Alto, no entanto, o Siena de Boris, foi encontrado na Rua Índia, bem próximo ao Colégio Estadual Senhorinha de Morais, Cajuru, por volta das 3h. Boris estava morto com dois tiros, e outros dois disparos acertaram o carro.

Quem tiver informações sobre o suspeito, não precisa se identificar, basta ligar para o número 3360-1400.

Fonte: Banda B AM


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *