Em Presidente Médici-RO – Mata desafeto e come rim Com Pastel.

Home » News » Em Presidente Médici-RO – Mata desafeto e come rim Com Pastel.

By nesqueci on 16 de março de 2011. No Comments

Policiais Civis lotados no Serviço de Investigações e Capturas da Delegacia de Policia Civil da cidade de Presidente Médici em conjunto com Policiais Civis de Rolim de Moura, realizaram na tarde desta sexta feira(12), a elucidação do homicídio o ocorrido na semana passada em Castanheiras contra a pessoa de Natanael Matoso. Clique no link e reveja a matéria:

Os homicidas Ismael Costa Vaz e Marcelino Alves dos Santos, confessaram o crime e já estão presos.

Após vários dias de investigações, a equipe de policiais conseguiram identificar dois suspeitos e juntamente com o apoio do Núcleo de Inteligência da PM de Rolim de Moura e Policiais Civis do Sevic da mesma cidade, obtiveram êxito em capturá-los escondidos em um residência em Rolim de Moura.

CONFISSÃO E CANIBALISMO
Em depoimento da Delegacia da Polícia Civil de Presidente Médici, sob o comando do delegado DRº Marcelo Martinelli Filho, os marginais confessaram o crime e ainda informaram detalhes de como fizeram o brutal ato.
Segundo relato do Ismael, o crime ocorreu no mesmo local onde foi encontrado o corpo da vítima, à beira do Rio Palha, e o motivo seria um suposto furto de R$ 50,00 e algumas parangas de “Crack”, por parte da vítima. Ele ainda relatou que perfurou o tórax da vítima e em seguida retirou o rins e comeu junto com um pastel. “Eu comi o rins dele junto com um pastel. Não estou arrependido e faria tudo de novo”, disse.
De acordo com a Polícia, Ismael também é acusado de ter praticado outro homicídio na comarca de Rolim de Moura e um tentativa de homicídio na cidade de Presidente Médici. Ambos os acusados possuem várias passagens pelo Sistema Prisional Estadual.
Mais uma vez o SEVIC da Delegacia de Policia Civil de Presidente Médici, sob o comando do DRº MARCELO MARTINELII FILHO, realiza com exaltado sucesso, a elucidação de mais um caso de repercussão na comarca bem como tira de circulação elementos de alta periculosidade da sociedade.

Fonte:Comando 190

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *