Em Curitiba(PR) – Um assassinato por hora na região Metropolitana da cidade “modelo”.Nessa madrugada não foi difente.

Home » News » Em Curitiba(PR) – Um assassinato por hora na região Metropolitana da cidade “modelo”.Nessa madrugada não foi difente.

By nesqueci on 29 de abril de 2011. No Comments

A noite desta quinta-feira (28) terminou com o trágico saldo de cinco homicídios em apenas cinco horas em Curitiba e região metropolitana (RMC). A “carnificina” teve início ainda por volta de 18h, no bairro Rio Verde, em Colombo.

O jovem Bredison Elias Moraes (18) caminhava pela avenida Argentina para ir até a casa da tia quando foi abordado por dois homens que dispararam ao menos duas vezes com um revólver. Ferido, Moraes chegou a ser socorrido pelo Siate, mas morreu ainda no interior da ambulância. A dupla criminosa deixou o local a pé e até 9h da manhã desta sexta-feira (29) não havia sido capturada.

Para o soldado Vinícius, do 17º Batalhão da Polícia Militar (PM), o crime ainda é um mistério. “Os familiares não nos informaram nada sobre o passado do rapaz. Descobrimos junto aos populares que ele morava aqui no Rio Verde e era querido pela população”, disse o soldado. Ainda de acordo com Vinícius, qualquer informação sobre a execução pode ser repassada à PM por meio do número 190.

A investigação do caso fica por conta da Delegacia de Colombo.

Uberaba

Menos de 20 minutos após a morte em Colombo, por volta de 18h15, outro rapaz foi assassinado, desta vez no bairro Uberaba, em Curitiba. Robson Alves (20) morreu na rua Joel Pedrini após ser alvejado por um atirador misterioso.

A equipe de reportagem da rádio Banda B esteve na cena do crime e descobriu que o jovem seria usuário de crack. A hipótese de execução devido ao envolvimento com o tráfico de entorpecentes é a principal linha de investigação seguida pela polícia. “Com certeza esse envolvimento é fator motivante para o homicídio. Infelizmente mais uma morte por causa de drogas”, afirmou a aspirante Bárbara, do 20º Batalhão.

A Delegacia de Homicídio (DH), responsável pelo caso, ainda não possui nenhum suspeito de ter cometido o crime.

Ganchinho

Dois homens foram baleados por volta das 21h45 na Rua Miguel Rossetim, nas Moradias 23 de Agosto, no bairro Ganchinho. José Adilson Ribas (32) foi socorrido ao Hospital do Trabalhador e está fora de perigo. Já Antonio Silvio da Silva (46) correu por alguns metros mesmo ferido, mas não resistiu e morreu ainda no local.

A polícia encontrou dificuldades para obter informações a respeito do crime. A autoria e a motivação ainda são desconhecidas e devem ser desvendados pela DH.

Cajuru

O adolescente Cleisson Pereira dos Santos (16) foi morto com um tiro perto das 22h30, na rua Adalberto Tadeu Vorobi, Vila Oficinas, bairro Cajuru. Moradores das imediações ouviram o disparo e acionaram o Corpo de Bombeiros (CB) depois de avistarem o garoto caído. O Siate foi ao local, mas a vítima já estava em óbito no momento da chegada da ambulância.

Tatuquara

O jantar de uma família foi interrompido a tiros perto das 23h, nas Moradias Monteiro Lobato, bairro Tatuquara. Felipe França da Mota (25), conhecido como “Frango”, foi chamado pelo apelido no portão de casa. Ao abrir a porta, levou vários tiros e morreu praticamente na hora. A esposa da vítima e os dois filhos, de dois anos e seis meses respectivamnete, testemunharam a execução.

De acordo com o aspirante Renan, presente novamente em local de morte, a vítima não estaria sofrendo ameaças de possíveis inimigos. A esposa do homem ficou em estado de choque e precisou ser amparada por familiares.


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *