Aluno de medicina que esfaqueou colega pode ser expulso.

Home » News » Aluno de medicina que esfaqueou colega pode ser expulso.

By nesqueci on 2 de abril de 2011. No Comments

Vítor foi indiciado por tentativa de homicídio e lesão corporal contra o pai dela.

Aluno é suspeito de dar nove facadas na colega de sala, no dia 19 de março, no bairro Salgado Filho, região Oeste de Belo Horizonte.

Uma comissão formada por três pessoas, foi criada na Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG) para avaliar a situação do estudante de medicina Vítor Guilherme Carvalho Ribeiro, de 22 anos, suspeito de dar nove facadas na colega de sala Maria Luiza Costa Pinto, de 21 anos, no dia 19 de março, no bairro Salgado Filho, região Oeste de Belo Horizonte.

Alunos e colegas da vítima pedem a expulsão do estudante, que não frequenta as aulas desde o crime. Outro agravante é que, perante a Justiça, o aluno também não pode se aproximar da vítima, o que impossibilitaria os dois de estudarem juntos.

A comissão também avalia o regimento da UFMG, que prevê punição ao aluno que se envolve em agressões físicas, mas gera uma certa confusão por não especificar se o regimento vale também para agressões fora das dependências da universidade.

Para evitar que o aluno seja expulso, a família tenta trancar a matrícula de Vítor na UFMG. O estudante, que responde o processo em liberdade, está na cidade de Abaeté, na região Central. Independentemente da decisão da universidade, Vítor Ribeiro foi indiciado por tentativa de homicídio contra a colega e lesão corporal contra o pai dela. Caso seja condenado, ele pode pegar até oito anos de prisão.

Fonte:Jornal Hoje em Dia.

—————————————————————–
Apesar da indignação de todos, vale lembrar que todo processo tem uma relumentação que tem que ser seguida e que nem uma decisão pode ser sumaria.
A constituição garente direito de ampla defesa a todos e todo cidadão é inocente até que seja julgado e condenado e mesmo em universidades o direito a ampla defesa tem que ser respeitado.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *